O PRINCÍPIO DA HONRA

 

 

O PRINCÍPIO DA HONRA

Pv. 3.9-10

 

INTRODUÇÃO

 

O verbo honrar significa distinguir, fazer diferença. É isto que Deus espera de nós. Mais do que qualquer coisa que imaginamos, ele espera que o honremos. As escrituras nos mostram gente como Caim que fez algo ao Senhor sem, contudo, ser aceito, uma vez que havia algo errado em suas atitudes quanto à dignidade de Deus. Existem muitos princípios na palavra de Deus:

 

1-O princípio da fé. Hb. 11.6

2-O princípio da revelação. Ef. 1.17-19

3-O princípio da autoridade. Rm. 13.1

4-O princípio da ordem. Hb. 1.2-3

5-O princípio da sabedoria. Pv. 1.7

6-O princípio da semeadura. Gl. 6.7

7-O princípio da fidelidade. Lc. 16.10

😯 princípio da honra. Rm. 13.7

 

1-O PRINCÍPIO DA FÉ.

Hb. 11.6 “De fato, sem fé é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe e que se torna galardoador dos que o buscam”.

 

2-O PRINCÍPIO DA REVELAÇÃO.

Ef. 1.17-19 “Para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos conceda espírito de sabedoria e de revelação no pleno conhecimento dele, 18 iluminados os olhos do vosso coração, para saberdes qual é a esperança do seu chamamento, qual a riqueza da glória da sua herança nos santos 19 e qual a suprema grandeza do seu poder para com os que cremos, segundo a eficácia da força do seu poder”.

 

3-O PRINCÍPIO DA AUTORIDADE.

Rm. 13.1-2 “Todo homem esteja sujeito às autoridades superiores; porque não há autoridade que não proceda de Deus; e as autoridades que existem foram por ele instituídas. 2 De modo que aquele que se opõe à autoridade resiste à ordenação de Deus; e os que resistem trarão sobre si mesmos condenação”.

 

4-O PRINCÍPIO DA ORDEM.

Hb. 1.2-3 “Ele, que é o resplendor da glória e a expressão exata do seu Ser, sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, depois de ter feito a purificação dos pecados, assentou-se à direita da Majestade, nas alturas”.

 

5-O PRINCÍPIO DA SABEDORIA.

Pv. 1.7 “O temor do Senhor é o princípio do saber, mas os loucos desprezam a sabedoria e o ensino”.

 

6-O PRINCÍPIO DA SEMEADURA.

Gl. 6.7 “Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará”.

 

7-O PRINCÍPIO DA FIDELIDADE.

Lc. 16.10 “Quem é fiel no pouco também é fiel no muito; e quem é injusto no pouco também é injusto no muito”.

 

😯 PRINCÍPIO DA HONRA.

Rm. 13.7 “Pagai a todos o que lhes é devido: a quem tributo, tributo; a quem imposto, imposto; a quem respeito, respeito; a quem honra, honra”.

 

APÉCTOS IMPORTANTES DO PRINCÍPIO DA HONRA.

 

I-A HONRA FAZ DEUS ACREDITAR EM NÓS.

 

1-O conselho que Deus nos dá por meio de Salomão é o de honrar ao Senhor com nossos bens. O que está em questão aqui é a manifestação da honra e não os bens em si. O uso dos bens é só um meio para expressar esta honra. Um dos maiores exemplos está no que Deus pediu a Abraão (Gn. 22:1-10). Na hora de imolar o filho, Abraão foi impedido de fazê-lo, e o Senhor deixou claro que só queria a expressão da honra, e não privá-lo de seu filho. Ao pedir justamente o que Abraão mais amava o Senhor estava lhe dando uma oportunidade de honrá-lo tremendamente. E foi isso que aconteceu.

 

Gn. 22.1-11

 

 “Algum tempo depois Deus pôs Abraão à prova. Deus o chamou pelo nome, e ele respondeu: – Estou aqui. 2 Então Deus disse: – Pegue agora Isaque, o seu filho, o seu único filho, a quem você tanto ama, e vá até a terra de Moriá. Ali, na montanha que eu lhe mostrar, queime o seu filho como sacrifício. 3 No dia seguinte Abraão se levantou de madrugada, arreou o seu jumento, cortou lenha para o sacrifício e saiu para o lugar que Deus havia indicado… 9 Quando chegaram ao lugar que Deus havia indicado, Abraão fez um altar e arrumou a lenha em cima dele. Depois amarrou Isaque e o colocou sobre o altar, em cima da lenha. 10 Em seguida pegou a faca para matá-lo. 11 Mas nesse instante, lá do céu, o Anjo do Senhor o chamou, dizendo: – Abraão! Abraão – Estou aqui – respondeu ele. 12 O Anjo disse: – Não machuque o menino e não lhe faça nenhum mal. “Agora sei que você teme a Deus, pois não me negou o seu filho, o seu único filho”.

 

II-A DESONRA PROVOCA PERDA E DESCRÉDITO AO SENHOR.

 

1-Vemos o mesmo princípio revelado de forma inversa, quando Ananias e Safira trouxeram uma oferta de alto valor, mas com a motivação errada e recheada de mentira. O que aconteceu? Deus se agradou? De forma alguma! Em atos 5:1-5, diz que o Senhor o julgou pelo que fizeram. O Senhor não queria o dinheiro deles e sim uma atitude de honra. Honrar significa distinguir, fazer diferença. Portanto o Senhor deseja ser distinguido de todas as demais coisas em nossas vidas, mesmo as que temos como mais preciosas.

 

At.5.1-11

 

1 “Mas um homem chamado Ananias, casado com uma mulher que se chamava Safira, vendeu um terreno 2 “e só entregou uma parte do dinheiro aos apóstolos, ficando com o resto. E Safira sabia disso. 3 Então Pedro disse a Ananias: – Por que você deixou Satanás dominar o seu coração? Por que mentiu para o Espírito Santo? Por que você ficou com uma parte do dinheiro que recebeu pela venda daquele terreno? 4 Antes de você vendê-lo, ele era seu; e, depois de vender, o dinheiro também era seu. Então por que resolveu fazer isso? Você não mentiu para seres humanos – mentiu para Deus! 5 Assim que ouviu isso, Ananias caiu morto; e todos os que souberam do que havia acontecido ficaram com muito medo. 6 Então vieram alguns moços, cobriram o corpo de Ananias, levaram para fora e o sepultaram.7 A mulher de Ananias chegou umas três horas depois, sem saber do que havia acontecido com o marido. 8 Aí Pedro perguntou a ela: – Me diga! Foi por este preço que você e o seu marido venderam o terreno? – Foi! – respondeu ela. 9 Então Pedro disse: – Por que você e o seu marido resolveram pôr à prova o Espírito do Senhor? Os moços que acabaram de sepultar o seu marido já estão lá na porta e agora vão levar você também. 10 No mesmo instante ela caiu morta aos pés de Pedro. Os moços entraram e, vendo que ela estava morta, levaram o corpo dela e o sepultaram ao lado do marido. 11 E toda a igreja e todos aqueles que souberam disso ficaram apavorados.

 

III-PORQUE DEUS DESEJA SER HONRADO?

 

1-Sabemos que o Senhor é infinitamente perfeito. Logo, não tem nenhum problema com rejeição, auto-rejeição falta de aceitação. Então porque ele busca tanto ser honrado? Deus o faz pelo simples fato de que deseja que nós sejamos abençoados. O Reino de Deus funciona por princípios. E um dos princípios que o Senhor estabeleceu é o da honra:

 

I Sm. 2.30b. “Honrarei aqueles que me honram, mas aqueles que me desprezam serão tratados com desprezo”.

 

2-Deus não está atrás de nossas ofertas, e sim da honra que deve ser expressa por meio dela. Quando a oferta não demonstra a honra que ele espera, então ela passa a estar numa condição de não ser aceita por.

 

Ml. 1.6-11

 

“O filho honra o pai, e o servo, ao seu senhor. Se eu sou pai, onde está a minha honra? E, se eu sou senhor, onde está o respeito para comigo? – diz o Senhor dos Exércitos a vós outros, ó sacerdotes que desprezais o meu nome. Vós dizeis: Em que desprezamos nós o teu nome? 7 Ofereceis sobre o meu altar pão imundo e ainda perguntais: Em que te havemos profanado? Nisto, que pensais: A mesa do Senhor é desprezível. 8 Quando trazeis animal cego para o sacrificardes, não é isso mal? E, quando trazeis o coxo ou o enfermo, não é isso mal? Ora, apresenta-o ao teu governador; acaso, terá ele agrado em ti e te será favorável? – diz o Senhor dos Exércitos. 9 Agora, pois, suplicai o favor de Deus, que nos conceda a sua graça; mas, com tais ofertas nas vossas mãos, aceitará ele a vossa pessoa? – diz o Senhor dos Exércitos. 10 Tomara houvesse entre vós quem feche as portas, para que não acendêsseis, debalde, o fogo do meu altar. Eu não tenho prazer em vós, diz o Senhor dos Exércitos, nem aceitarei da vossa mão a oferta. 11 Mas, desde o nascente do sol até ao poente, é grande entre as nações o meu nome; e em todo lugar lhe é queimado incenso e trazidas ofertas puras, porque o meu nome é grande entre as nações, diz o Senhor dos Exércitos”.

 

IV – COMO É HONRAR COM A ATITUDE CERTA

 

1-Ao instituir as ofertas, Deus esperava ser honrado através delas; ele jamais buscou a oferta em si. Através do profeta Malaquias, o Senhor está nos dizendo que preferia o templo fechado a receber uma oferta que não expressasse honra. Nos dois níveis de relacionamentos com Deus em que nos enquadramos (O DE FILHO E O DE SERVO), espera-se que haja honra. A honra não se atém à oferta em si, mas no anseio de expressar amor e valor ao Senhor. Um exemplo deste princípio está em Mc. 14:3-9

 

Mc. 14.3-9

 

“Jesus estava no povoado de Betânia, sentado à mesa na casa de Simão, o Leproso. Então uma mulher chegou com um frasco feito de alabastro, cheio de perfume de nardo puro, muito caro. Ela quebrou o gargalo do frasco e derramou o perfume na cabeça de Jesus. 4 Alguns que estavam ali ficaram zangados e disseram uns aos outros: – Que desperdício! 5 Esse perfume poderia ter sido vendido por mais de trezentas moedas de prata, que poderiam ser dadas aos pobres. Eles criticavam a mulher com dureza, 6 mas Jesus disse: – Deixem esta mulher em paz! Por que é que vocês a estão aborrecendo? Ela fez para mim uma coisa muito boa. 7 Pois os pobres estarão sempre com vocês, e, em qualquer ocasião que vocês quiserem, poderão ajudá-los. Mas eu não estarei sempre com vocês. 8 Ela fez tudo o que pôde, pois antes da minha morte veio perfumar o meu corpo para o meu sepultamento. 9 Eu afirmo a vocês que isto é verdade: em qualquer lugar do mundo onde o evangelho for anunciado, será contado o que ela fez, e ela será lembrada”.

2-O que esta mulher fez? Certamente ela honrou ao Senhor com sua atitude, e permitiu que, através de seu ato, o senhor também pudesse honrá-la. Estamos estudando acerca desta mulher por ordem de Jesus. E isto nos foi ordenado por ele para que tivéssemos o que aprender nesta área, mas também para que esta mulher jamais fosse esquecida por aquilo que fez.

 

3-Se a honra que o Senhor nos concede está ligada à honra que para com ele praticamos, então podemos dizer que esta mulher, Maria de Betânia, conseguiu ir fundo em sua atitude. Em geral este texto é usado para falar acerca de adoração, e isto é também uma atitude de adoração; mas o que a maioria dos crentes não percebe é que seu contexto envolve valores materiais e não música. Este é um tipo de adoração silenciosa, mas que certamente enche o coração de Deus.

 

4-Os magos vieram de muito longe; do oriente a Jerusalém para adorar o menino que nascera na manjedoura, eles manifestaram uma atitude de honra expressa através de suas ofertas: ouro incenso e mirra.

CONCLUSÃO.

 

Nestes dias de festa, com quais presentes podemos honrá-lo! A sua vida é o bem mais precioso que você tem e digna de honra. Faça de sua vida uma oferta ao Senhor. Honre ao Senhor entregando sua vida totalmente a Ele. Honre-o com o melhor de seu tempo. Honre-o com o melhor de seus bens. Honre-o com o melhor de seu serviço.