A IGREJA DE CRISTO

Resultado de imagem para igreja de cristo

A IGREJA DE CRISTO

“ … na Santa Igreja de Cristo, na comunhão dos santos”.

INTRODUÇÃO:

Por que o crente pertence à igreja de Cristo? Porque o Espírito Santo quando une o crente a Cristo coloca-o também no número daqueles que são de Cristo. Que é, então a Igreja? É a assembléia, reunião ou o número daqueles que pertencem a Cristo. A palavra igreja tem várias traduções na Bíblia: multidão, congregação, povo, assembléia, reunião, sinagoga, etc. Sempre se refere a pessoas. A Igreja não é o templo, nem a organização, nem a instituição, nem a forma de governo, nem o corpo de doutrinas. A Igreja é a assembléia que mantém comunhão com Cristo através da presença do seu Espírito.

Qual a diferença entre a Igreja e outras assembléias que há mundo? A Igreja é uma assembléia reunida com o fim específico e diferente de todos as demais assembléias. A Igreja tem uma missão: ser testemunha de Cristo, proclamando as virtudes dAquele que a chamou das trevas para a sua maravilhosa luz. É a missão de ser vanguarda do Reino de Deus na Terra.

A doutrina cristã fala dos atributos e das marcas da Igreja. Consideremos esses dois aspectos. Os atributos são quatro:

  1. SANTIDADE:

A Igreja é um povo separado para oserviço de Deus. A santidade da Igreja não está no seu clero, nem nas suas doutrinas, mas na posição daqueles que são chamados para servir a Deus no mundo. Santidade não é uma virtude moralista, mas uma relação certa e positiva com Deus. É pela presença do Espírito Santo que a Igreja se torna santa, isto é, consagrada para cumprir a sua missão.

2. CATOLICIDADE:

A palavra católico quer dizer universal. A igreja é universal porque o Evangelho que ela anuncia é dirigido a todos os homens visando a salvação de todos os que crêem em Cristo. Jesus ordenou que os seus discípulos pregassem à toda a criatura e que fizessem discípulos de todas as nações. A universalidade da Igreja deriva-se de sua mensagem e do propósito universal do plano de Deus.

  • APOSTOLICIDADE:

Os sucessores dos apóstolos são todos os cristãos. A palavra apóstolo quer  dizer enviado, mandado. A Igreja é apostólica porque segue a doutrina e o exemplo dos apóstolos. A Igreja continua a obra dos apóstolos obedecendo as ordens do seu Senhor. Os apóstolos foram aqueles homens apresentados na Escritura, que foram convidados por Cristo para serem seus discípulos e que depois foram comissionados para difundir a mensagem do Evangelho.

4. UNIDADE:

Se o Espírito que nos uniu a Cristo, também nos uniu ao povo de Cristo, então a unidade é um dos atributos da Igreja. Essa unidade é um dom do Espírito Santo já concedido à Igreja. Devido ao pecado e as limitações dos cristãos, não tem havido um fiel testemunho de obediência à vontade de Cristo expressa em sua oração sacerdotal (Jo.17:20-24). No mundo desunido de hoje, os cristãos estão sendo desafiados a dar um testemunho da unidade que o Espírito realizou e continua realizando na Igreja.

AS MARCAS DA IGREJA:

As marcas da Igreja são aqueles sinais ou distintivos que a Igreja tem e que a fazem conhecida. Os reformadores costumavam dar três marcas à Igreja. Eram elas: (a) Verdadeira  pregação da Palavra de Deus; (b) Administração dos Sacramentos (Santa Ceia e Batismo); (c) Fiel exercício da disciplina. Essas marcas são importantes e com elas os Reformadores chamaram a atenção da Igreja de sua época no sentido de ser fiel à sua missão. Todavia, podemos encontrar no Novo Testamento outras que são mais básicas e mais importantes para a missão da Igreja em qualquer época. Consideremos algumas dessas marcas:

  1. PRESENÇA DO ESPÍRITO SANTO:

Não existe Igreja sem o Espírito porque Ele é o Criador da Igreja. No capítulo dois dos Atos dos Apóstolos temos a descrição de como a Igreja se iniciou no dia de Pentecostes. O Espírito Santo operou e a Igreja foi formada. Desde esse dia a Igreja depende da presença do Espírito Santo. A Igreja é a comunidade do Espírito, criada e mantida por Ele. Essa é uma das marcas que faz a diferença entre a Igreja e outras comunidades ou entidades.

  • AMOR:

A marca mais importante que Jesus deu aos seus discípulos foi essa, o amor. Disse Jesus: “Novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros; assim como vos amei, que também vos ameis uns aos outros. Nisto conhecerão todos que sois meus discípulos, se tiverdes amor uns aos outros” (Jo.13:34-35). Paulo coloca o amor como “um caminho sobremodo excelente”, mostrando aos cristãos de todas as épocas que sem a marca do amor a Igreja não é Igreja. O apóstolo João, nas suas cartas, apresenta o amor como o ponto central da vida da Igreja, isto porque a expressão central da personalidade de Deus é o amor, pois “Deus é amor” (1.Jo.4:8). Essa marca da Igreja às vezes tem sido esquecida por ela, mas a verdade é que sem ela a Igreja não existe, pois ela é fruto ou resultado  do amor gracioso de Deus que a estabeleceu.

  • SERVIÇO:

Aqui está uma das marcas da Igreja exaltada pelas palavras e pelo exemplo do nosso Senhor Jesus Cristo. Primeiramente Ele deu exemplo sendo um servo, encarnando a figura do Servo Sofredor, descrita pelo profeta Isaías no capítulo 53 do seu livro. Foi um servo na sua vida e na sua morte, “pois o próprio Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos”. Na cena do Lava-pés (Jo.13) Jesus, depois de dar a lição de humildade e serviço, disse aos seus discípulos: “Porque eu vos dei o exemplo, para que, como eu fiz, façais vós também.” Em outra ocasião Ele declara: “Quem quiser tornar-se grande entre vós, será esse o que vos sirva; e quem quiser ser o primeiro entre vós, será servo de todos.” (Mc.10:43-44). Assim o Senhor quer que seu povo seja um povo-servo. A Igreja é chamada para servir a Deus no mundo e não para ser rainha e senhora, chamada para gozar dos privilégios e das honrarias humanas.

  • TESTEMUNHA:

Outra marca da Igreja é a marca da testemunha. Ela foi convocada para testemunhar. É a comunidade que testifica. Disse Jesus: “recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e sereis minhas testemunhas tanto em Jerusalém, como em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra,” (At.1:8). Qual é o testemunho que a Igreja dá? Ela testifica a respeito do amor de Deus revelado em Cristo, ela conta ao mundo que “Deus amou ao mundo de tal maneira, que deu o seu filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.” (Jo.3:16). Com esses atributos e marcas, a Igreja pode ser identificada diante de Deus e dos homens, como uma assembléia que tem por finalidade: adorar a Deus, proclamar o Seu Reino, nutrir os seus membros e, acima de tudo, testemunhar o grande amor de Deus.

Autor: Pr Andre LDA

Bacharel em Teologia pela Faculdade Evangélica do Brasil - ISBL, estudou também na Faculdade Teológica Sul Americana, convalidando o curso na Unicesumar. Especialista em docência no ensino superior pela Unicesumar e Liderança, Plantação e Revitalização de Igrejas pelo Seminário Teológico Asbury. Atualmente é graduando em licenciatura em história pela Unicesumar. Tenho uma grande e honrosa missão, Ganhar, Cuidar e Encorajar as pessoas a terem um relacionamento com Jesus, é nisso que gasto minha vida, eu e toda minha família estamos envolvidos nesta nobre tarefa. Soli Deo Gloria

Uma consideração sobre “A IGREJA DE CRISTO”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.