A Alegria do Ministério de Pequenos Grupos

Resultado de imagem para cell group
A Alegria do Ministério de Pequenos Grupos

Por Joel Comiskey

Celyce e eu jantamos com amigos íntimos recentemente. Eu estava lutando emocionalmente com várias provações antes de nosso jantar, mas confirme interagimos na comunidade cristã, Deus levantou meus fardos quando rimos, compartilhamos, relembramos e nos divertimos. O que eu experimentei naquela noite foi a alegria que flui da amizade e da comunidade.

Este mês estamos explorando a diversão no ministério celular. A definição do dicionário de diversão é: alegria, entretenimento ou prazer leve. O mesmo dicionário define a alegria como: um sentimento de grande prazer e felicidade.

A alegria é um fruto do Espírito e vai além de sentimentos e emoções (Gálatas 5:21). Nós podemos experimentar a alegria durante provas e tentações (Tiago 1:2). Quando falamos de diversão no ministério celular, estamos falando sobre experimentar a alegria de Deus. Jesus disse ao seu próprio pequeno grupo: “Eu estou dizendo isso para que a minha alegria esteja em vocês, e a alegria de vocês seja completa” (João 15:11-12). A alegria afugenta o tédio e estimula as pessoas a quererem voltar.

Deus quer encher os pequenos grupos com alegria e prazer. Passar tempo com Deus e seu povo não deve ser uma experiência chata e apavorante. Mas muitas vezes obstáculos matam a alegria de Deus no grupo. Aqui estão alguns assassinos da alegria:

Rotina: Eu entrevistei uma líder de célula frutífera em Honduras que disse que ela sempre tentou mudar a ordem nas células porque “variedade é o tempero da vida”. Quando um grupo se torna muito rotineiro e segue a mesma ordem o tempo todo, o tédio toma conta.

Show de uma mulher/homem só: Quando o líder faz tudo, as pessoas se sentem negligenciadas e entediadas. Eles são relegados a sentar e ouvir, assim como nos cultos de domingo. Os melhores líderes de célula são facilitadores e envolvem outras pessoas.

Jogo de números: Quando o líder da célula visualiza os membros como metas ou estatísticas, os membros sentem isso. Relacionamentos, não estatísticas, produzem alegria no grupo.

Apenas um evento social: A célula não é apenas sobre ter um tempo divertido juntos. Sim, a diversão é importante e os sábios líderes de célula planejam encontros divertidos ocasionais, mas o grupo de células é mais do que um evento social. É tudo sobre fazer discípulos que fazem discípulos.

Falta de visão: Células que não priorizam fazer discípulos que fazem discípulos perdem o propósito e a alegria resultante. Alguns dos momentos mais felizes ocorrem quando o grupo alcança não-cristãos e planeja a próxima multiplicação. As células experimentam a alegria de Cristo ao ministrar aos pobres e necessitados.

Eu desafio você a medir o nível de alegria em sua própria célula. Seu grupo gosta de sair juntos? Você está variando a atividade no grupo? Seu grupo tem uma visão clara para alcançar os outros para Jesus? Assim como no pequeno grupo de Cristo, Jesus quer encher seu pequeno grupo com Sua alegria.