Liderança com integridade

Resultado de imagem para integridade

O Ingrediente Mais importante da Liderança – Integridade

II Tm.2.19 a 21

19 Entretanto, o firme fundamento de Deus permanece, tendo este selo: O Senhor conhece os que lhe pertencem. E mais: Aparte-se da injustiça todo aquele que professa o nome do Senhor. 20  Ora, numa grande casa não há somente utensílios de ouro e de prata; há também de madeira e de barro. Alguns, para honra; outros, porém, para desonra. 21  Assim, pois, se alguém a si mesmo se purificar destes erros, será utensílio para honra, santificado e útil ao seu possuidor, estando preparado para toda boa obra.

Somente serão úteis para Deus aqueles que são aprovados por Deus, instrumento que se fizeram úteis, pois se santificaram.

Que tipo de pessoa poderá ser usada por Deus?

Aqueles que amam a Deus, certamente serão usados para Deus;

Aqueles que têm revelação de Deus, conhecem o caráter e natureza de Deus na Sua Palavra;

Aqueles cujo ego é tratado, pessoas que já tiveram experiência de renunciar o “eu” pela vontade do Senhor,

Aqueles que são cheios do Espírito Santo, sem a unção de Deus não poderemos servir na casa de Deus. Por mais inteligente, técnico e útil que sejam.

Desta base acima dependerá e será condição indiscutível para nos tornarmos úteis na obra de Deus.

O que falamos refletem o que nós pensamos, nosso caráter reflete quem nós somos.

Fazendo uma definição apropriada sobre caráter e temperamento.

Não importa que tipo de temperamento nós temos, precisamos ter caráter, este se tornará um bom líder.

Caráter e Unção

Os dois devem caminhar juntos. Não adianta ter caráter sem unção , nos faltará forças para fluir em Deus.

Sem Unção não poderemos ministrar, mas tendo a unção sem o caráter nos tornaremos limitados.

Caráter sozinho não faz um líder, mas um líder sem caráter ficará a beira do caminho.

Quando falamos de Caráter estamos falando de algo mais refinado para ser útil para Deus:

Quando falamos de Caráter estamos falando de algo mais refinado para ser útil para Deus:

  1. Autenticidade – ser por fora exatamente o que você é por dentro.

Pessoas que não são autenticas, são imprevisíveis.

Este é o maior problema que alguns pais enfrentam no cuidado dos filhos.

Quem é autentico, é sólido, confiável.

O exemplo de Moisés que quando viu o pecado do povo, quebrou as tabuas da Lei, Jesus e as mesas dos cambistas.

  1. Exatidão – as vezes temos problemas com lideres que são inexatos e têm uma atitude relapsa e improvisada.
  2. Seriedade – Não estamos falando de aparência. Mas estamos falando de compromisso, exatidão, cuidado, dedicação e responsabilidade.
  1. Diligencia – se você quer saber o que é diligente, ele é o contrario do negligente. Trabalha constantemente e com zelo.

5. Forte

Persevera sem negociar os princípios da Palavra de Deus. Sabe o valor das coisas e o valor das pessoas.

  1. Profundo

Contrario do superficial. Aqueles que são superficiais são aqueles que não se enxergam e são extremamente naturais. Fazem analise da obra de Deus de uma maneira superficial.

Ninguém vai querer seguir um líder raso.

  1. Paciência

É um desejo de fazer algo para Deus, mas constantemente. Fazer algo sem estardalhaço e confusão.

  1. Concentração

Pessoa que é singela de coração, sabe ser simples de coração para buscar e enfatizar uma coisa de cada vez. Por isso tem foco.

Quem se concentra são aqueles que realizam.

  1. Intensidade – Não é ritual, ou aparência.

Podemos ver presbiterianos, tradicionais intensos. O mesmo poderá acontecer com um pentecostal frio.

“ o segredo de atrairmos as pessoas é por que pegamos fogo e os outros vêem para nos verem pegando fogo… ”

Mas todos Sabem quando alguém esta pegando fogo!

Se nosso caráter de liderança não tem paixão, demonstraremos um caráter defeituoso.

  1. Responsabilidade

Assume o compromisso e sustenta até o fim, com o ônus de sofrer o dano.