BENEFÍCIOS DE PERTENCER A UMA CÉLULA

BENEFÍCIOS DE PERTENCER A UMA CÉLULA

I Coríntios 12.27: “Ora, vós sois corpo de Cristo, e individualmente seus membros”.

  1. A célula agrega valor às pessoas. Assim elas deixam de ser meros espectadores, mais um na multidão, e passam a ser pessoas que têm nome, endereço, data de aniversário, necessidade pessoais compartilhadas, vínculos de amizade, etc.
  2. A célula aproxima as pessoas umas das outras. Tornando-as importantes e levando-as a ter relacionamentos fortes e significativos dentro da igreja, experimentando o sentido da verdadeira igreja família.
  3. A célula facilita o atendimento às diversas necessidades espirituais e materiais de cada pessoa do grupo, pois através do líder e dos auxiliares de célula, o grupo pode facilmente cuidar bem de cada um.
  4. As células ajudam a descobrir e identificar os dons das pessoas. Dão oportunidades para cada pessoa participar significativamente na vida da igreja. Nem todos serão pastores ou professores na escola ministerial, mas nas células há oportunidade par que todos participem em alguma atividade importante.
  5. Células ajudam a alcançar pessoas que nunca iriam numa “igreja de crente”. Por preconceito ou qualquer outra razão aceitam ir e sentem muito confortáveis numa reunião de célula na casa de um amigo ou mesmo na casa de um vizinho, pois lá está a igreja reunida num ambiente totalmente informal e familiar.
  6. As células viabilizam a concretização do amor fraternal. Isso produz segurança para os membros, PIS cada pessoa torna-se parte da família, produzindo assim um ambiente de proteção onde cada um cuida do outro.
  7. Na célula não há lugar para liturgia e formalismo religioso, pois tudo e feito num ambiente espontâneo e informal. Não há espaço para shows de qualquer espécie, pois na célula o centro das atenções é somente Jesus. As células facilitam o processo de ensino-aprendizagem. Ali todos têm a oportunidade de falar e participar durante o estudo. Diferente dos cultos de celebração, onde a participação é limitada a alguns poucos.
  8. As células viabilizam o crescimento numérico da igreja. As pessoas estão sempre motivadas a ganhar outros para Jesus. Fazem isso convidando novas pessoas, visitando e evangelizando amigos, vizinhos, parentes, colegas do trabalho, colegas de escola, etc. Nossas células são “redes espirituais”.
  9. As células integram os novos decididos com maior eficácia. É o melhor ambiente par cuidar dos novos convertidos, proporcionando acompanhamento e alimento necessário par o seu crescimento espiritual. Assim chamamos as células de “berçário” para os novos bebês e “celeiro” para pôr o trigo.
  10. As células estendem os limites de crescimento da igreja. A estratégia das células nos liberta da ideia de que nossa “missão” acaba quando o prédio se enche, pois com células n nosso crescimento é ilimitado. O nosso lugar de reunião é a casa dos irmãos, e os cultos de celebração podem ser feitos em dia e horários diferentes no mesmo prédio.
  11. As células ampliam as possibilidades de engajamento de todos os membros da igreja no ministério cristão. A célula nos liberta também da ideia errada de que a obra de deus só deve ser feita por pessoas de tempo integral financiadas pela igreja. Com as células a maior parte do trabalho de aconselhamento, pastoreio, visitas, etc. é feito por voluntários, uma vez que todos somos um reino de sacerdotes.
  12. A célula é um dos melhores instrumentos de formação de novos líderes, com respaldo ministerial e capacidade reconhecida pelo povo. Assim, nossos líderes não são colocados nessa posição por meio de eleição, ou por ter concluído um curso de seminário ou instituto bíblico, mas por experiência e evidência do seu chamado.
  13. As células ajudam a fechar a porta de trás da igreja. Qual é o pastor que um dia já não perguntou a si mesmo, e a outros, o seguinte: “O que fazer par evitar a evasão de membros da minha igreja?.
  14. As células são ágeis instrumentos de mobilização do rebanho. Para mobilizar toda a igreja, basta dar cinco telefonemas para os líderes certos, das células.
  15. As células levam a presença da igreja em todas as direções geográfica da cidade. Onde tem uma célula, a igreja está presente. Expansão e saturação.
  16. Na célula as pessoas passam a ser conhecidas com elas realmente são. As máscaras caem. Numa igreja grande as pessoas podem ser apenas mais um na multidão, mas numa igreja em células, mais cedo ou mais tarde todas vão entrar no sistema do discipulado um a um e começar receber ajuda no nível pessoal.