Virtudes das Igrejas em Células

Virtudes das Igrejas em Células

por Mario Vega

Para muitos, a principal motivação para começar a trabalhar com células é o crescimento da igreja. Mas é um mito dizer que, quando uma igreja se torna uma igreja em células, ela vai se transformar automaticamente em uma mega-igreja. Isso simplesmente não é verdade. A realidade é que a maioria das igrejas em células no mundo não são igrejas enormes. Por exemplo, alguns podem definir “mega-igreja” como uma igreja local que já ultrapassou 10.000 membros (como no caso da Missão Elim, que tem trabalhado com células há 29 anos). Se este critério for usado, então existem apenas duas mega-igrejas no mundo. O restante seria considerado como congregações mais ou menos grandes, mas elas não seriam mega-igrejas. Isso significaria que o trabalho de células falhou, porque sua estratégia não produz um mega crescimento da igreja.

 A realidade é que a principal motivação para se tornar uma igreja em células é voltar para a estratégia do Novo Testamento para o ministério, que promove o sacerdócio de todos os crentes. A igreja em células está totalmente relacionada com praticar comunhão uns com os outros, edificação mútua e evangelismo de casa em casa. Estes elementos são a essência da vida cristã. É melhor ter uma igreja onde seus membros vivem na plenitude da vida cristã – mesmo que não seja enorme – do que ter uma igreja grande onde os membros são apenas espectadores.

Mario

Autor: Pr Andre LDA

Bacharel em Teologia pela Faculdade Evangélica do Brasil - ISBL, estudou também na Faculdade Teológica Sul Americana, convalidando o curso na Unicesumar. Especialista em docência no ensino superior pela Unicesumar e Liderança, Plantação e Revitalização de Igrejas pelo Seminário Teológico Asbury. Atualmente é graduando em licenciatura em história pela Unicesumar. Tenho uma grande e honrosa missão, Ganhar, Cuidar e Encorajar as pessoas a terem um relacionamento com Jesus, é nisso que gasto minha vida, eu e toda minha família estamos envolvidos nesta nobre tarefa. Soli Deo Gloria

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: